Júri Oficial

  • HOME
  • O Festival
  • Júri Oficial

Júri Oficial

Fernando Morais

Fernando Morais

O editor do Nocaute, Fernando Morais, nasceu em Mariana-MG em 1946. É jornalista desde 1961. Trabalhou nas redações do Jornal da Tarde, Veja, Folha de S. Paulo e TV Cultura. Recebeu três vezes o Prêmio Esso e quatro vezes o Prêmio Abril de Jornalismo. Entre personalidades e políticos entrevistados por Morais estão Fidel Castro, Yasser Arafat, Eric Hobsbawn, Luís Carlos Prestes, José Saramago, Muammar Kadafi, Gabriel García Márquez, Oliver Stone, Fernando Collor, Hugo Chávez, Nicolás Maduro, Alfredo Stroessner, Daniel Ortega, Anastácio Somoza, Salvador Cerén, Dilma Rousseff y Lula da Silva. Foi deputado (1978-1986), secretário da Cultura (1988-1991) e da Educação (1991-1993) do Estado de São Paulo. Em 2002 foi candidato a governador de São Paulo. Escreveu os livros “Transamazônica”, “A Ilha”, “Olga”, “Chatô, o rei do Brasil” (Premio Esso de Melhor Contribuição à Imprensa de 1994), “Cem quilos de ouro”, “Corações sujos” (Prêmio Jabuti - Livro do Ano de 2001), “Toca dos Leões”, “Montenegro”, “O Mago” e “Os últimos soldados da Guerra Fria” (Melhor Livro de não-ficção da I Bienal do Brasil). Quatro destes foram convertidos em películas de longa-metragem. Fernando Morais foi membro do Conselho Econômico e Social da Presidência da República (governo Dilma Rousseff) e faz parte do grupo fundador da Telesur, TV pública latino-americana sediada em Caracas, Venezuela. Atualmente edita o blog Nocaute e escreve um livro sobre a trajetória política do ex-presidente Lula, de sua primeira prisão, em 1980, aos dias atuais.

Suzy Lopes

Suzy Lopes

A atriz Suzy Lopes, entre curtas e longas, atua em 32 produções brasileiras, está no elenco de três filmes circulando nos cinemas e festivais do Brasil e do mundo: BACURAU de Kleber Mendonça Filho e Juliano Dornelles, DIVINO AMOR de Gabriel Mascaro e A FEBRE de Maya Da-rin. Já atuou em filmes de Marcelo Gomes, Hilton Lacerda, Lírio Ferreira, Tavinho Teixeira, Rodolpho de Barros, Eliezer Rolim, Torquato Joel, entre outros. Conquistou 10 prêmios de melhor atriz, 1 deles pelo curta ATRITO, de Diego Lima, no AruandaFest (2017). Trabalhou com o Piollin Grupo de Teatro sendo dirigida por Luiz Carlos Vasconcelos e faz parte do Grupo Galharufas com direção de Paulo Vieira. É Gerente Executiva de Teatro e Cinema na FUNESC desde junho de 2015. Sua formação Acadêmica é Bacharelado em Teatro pela UFPB (2013) e Mestrado em Literatura e Interculturalidade pela UEPB, com pesquisa na dramaturgia paraibana dos anos 90 (2017). Declara-se uma operária da arte, por acreditar que esta é a melhor arma de transformação de uma sociedade.


Júri de Longas - Sob o Céu Nordestino

Emilia Rosa de_Almeida Silveira

Emilia Rosa de_Almeida Silveira

Documentarista e roteirista, diretora dos filmes: Setenta, Silêncio no Estúdio, Galeria F, Callado e Tente Entender o que Tento Dizer. Na TV, dirigiu as séries: Histórias de um Tempo de Guerra, Tá no Quadro, Expedição Água e os programas: 100 anos de Cartola, 50 anos de Bossa Nova e especiais do Tom Jobim. Sócia e fundadora da produtora 70 Filmes. Por mais de 20 anos, trabalhou na TV Globo como diretora artística e roteirista em musicais e eventos.


Júri ABRACCINE

Luiza Lusvarghi

Luiza Lusvarghi

Luiza Lusvarghi é jornalista, crítica e pesquisadora de cinema e audiovisual. Autora de O crime como gênero na ficção audiovisual da América Latina (2018), coorganizadora de Mulheres Atrás das Câmeras. As cineastas brasileiras de 1930 a 2018 (2019), assina o blog Femme Fatale. É vice-coordenadora do Grupo de Cinema da Intercom, integrante do Coletivo Elviras de Críticas e foi diretora da Abraccine entre 2015 e 2019.

João Batista de Brito

João Batista de Brito

João Batista de Brito é professor aposentado da UFPB, onde, na condição de mestre e doutor, lecionou literatura inglesa e teoria literária. Desde 1980, atua nos jornais da Paraíba como crítico cinematográfico. Entre outros é autor dos livros: Imagens Amadas (São Paulo: Ateliê Editorial, 1995), Leituras Poéticas (São Paulo: Memorial da América Latina, 1998) e Literatura no Cinema (São Paulo: Unimarco, 2014). Com atividade semanal, mantém blog de cinema com o nome de Imagens Amadas.

Flávia Mayer

Flávia Mayer

É professora Adjunta da Universidade Federal da Paraíba e cofundadora e subcoordenadora do Observatório da Linguagem e Inclusão (UFMG). Autora de livros, capítulos de livros e artigos relacionados à acessibilidade e audiovisual, seus trabalhos apresentam ênfase nas áreas de semiótica, processos de significação e criatividade humana, tradução audiovisual acessível e mobilização social.


Júri TV Universitária

Patrícia Monteiro

Patrícia Monteiro

É jornalista, professora do curso de Jornalismo da Universidade Federal da Paraíba e do Programa de Pós-Graduação em Jornalismo (PPJ) na mesma instituição. Doutora em Comunicação pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) e Mestre em Comunicação e Culturas Midiáticas pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB). Trabalhou como editora-chefe, repórter e produtora em afiliadas da TV Globo e RedeTV. Integrou comissão julgadora do Prêmio Banco do Nordeste de Jornalismo na categoria televisão. Atualmente ministra as disciplinas de Radiojornalismo no curso de Jornalismo da UFPB, onde é professora orientadora do programa de rádio-laboratório Espaço Experimental, veiculado na Rádio Tabajara.

Isabella (Bella) Valle

Isabella (Bella) Valle

Isabella (Bella) Valle é fotógrafa, feminista, pesquisadora e professora doutora do Programa de Pós-Graduação em Comunicação (PPGC) e do Departamento de Comunicação (Decom) da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), onde dá aulas e investiga sobre imagens e corpos. Atualmente co-coordena o projeto de extensão e pesquisa Partejar, em parceria com mulheres indígenas potiguaras, e colabora com o grupo R.E.T.I.N.A. (Recherches esthétiques et théorétiques sur les images nouvelles et anciennes) International.



Parceiros

Fortalecendo o cenário do audiovisual...
Viabilizado por :
Lei de Incentivo a Cultura

Patrocínio Master:
Fundação Cultural Ormeo Junqueira Botelho
Energisa

Patrocínio :
Cagepa

Copatrocínio:
Cinepolis
Armazem Paraíba

Apoio Institucional:
DEMID
CCHLA

Apoio Cultural:
Empresa Paraibana de Comunicação
Tabajara
Jornal a União
fujope
Assembleia
secult
ADUF
TV Cabo Branco

Parcerias:
Usina Cultural
Café São Braz
Canal Brasil
Manaíra Shopping

Chancelado por:
UFPB