Sessão Homenageados

  • HOME
  • Mostras
  • Sessão Homenageados

O Paciente - O Caso Tancredo Neves

O Paciente - O Caso Tancredo Neves

Sinopse

Em 1985, na véspera de sua posse como presidente eleito indiretamente, Tancredo Neves passa mal e é internado. O diagnóstico inicial é apendicite aguda e os médicos o operam. Essa avaliação, no entanto, estava errada. Uma série de procedimentos posteriores, praticados pelos médicos que o atenderam, agravaram seu estado e o levaram à morte.

Ficha Técnica

Direção: Sergio Rezende

Produção: Mariza Leão Roteiro, Gustavo Lipsztein

Fotografia: Nonato Estrela

Direção de Arte: Marcos Flaksman

Figurino: Kika Lopes

Montagem: Maria Rezende

Maquiagem e Caraterizaçāo: Adriano Manques

Trilha Sonora: David Tygel

Produção Executiva: Tathiana Mourão

Produtores Associados: Tiago Rezende e José Alvarenga Jr.

Direção de Produçāo: Barbara Isabella

Produção de Elenco: Marcela Altberg

Finalizaçāo: Thiago Pimentel

 

Elenco:

Tancredo Neves - Othon Bastos/Risoleta Neves - Esther Góe/Dr. Pinheiro Rocha - Leonardo Medeiros/Dr. Renault - Otavio Muller/Dr. Pinotti - Paulo Betti/Antonio Britto - Emilio Dantas/Tancredo Augusto - Mario Hermeto Aécio Neves - Lucas Drummond/Inês Maria Neves - Luciana Braga/Luísa, repórter - Priscila Steinman/Dr. Freire - Eucir de Souza/Dr. Gilberto Assis - Leonardo Franco/Patologista - Pedro Brício

 

Diretor

O cineasta carioca Sergio Rezende rodou o mundo com seus filmes desde o início da carreira. Seu primeiro longa-metragem, o documentário "Até a Última Gota" (1980), foi contemplado com o Prêmio Especial do Júri, no Festival de Gramado, onde mais tarde voltaria a se destacar com "O Homem da Capa Preta" (1986), levando cinco Kikitos, entre eles o de melhor filme, a maior láurea do evento. Seu primeiro longa-metragem de ficção, "O Sonho Não Acabou" (1982), integrou as seleções oficiais do tradicional Festival de San Sebastian, na Espanha, e do Festival de Cinema Latino-Americano de Biarritz, na França. O extenso e bem-sucedido currículo o credenciou para dirigir aquele que, em 1997, se tornaria um grande sucesso de bilheteria e a maior produção brasileira de sua época, "Guerra de Canudos". O longa também foi selecionado para a Mostra Panorama do Festival de Berlim. Nos últimos anos, Sergio Rezende se consagrou com sucessos como "Zuzu Angel" (2005), "Salve Geral" (2007), longa escolhido para representar o Brasil na disputa pela indicação ao Oscar, e "O Paciente - O Caso Tancredo Neves" (2018). Além desses, o diretor foi ao encontro de seu lado mais autoral ao propor reflexões sobre arte e natureza no ensaio cinematográfico "O Cinema É Meu Jardim" (2004). O documentário serviu de inspiração para o roteiro de "O Jardim Secreto de Mariana", filme que ele considera o mais pessoal de sua carreira.


Voltar